27 junho 2013

Dicas de livros - Roxane Noris

Hoje trazemos um dica de livros de uma autora super bacana e que eu gosto muito Roxane Noris, com três obras super interessantes.
Vamos Conhecer?

Immortales

Immortales é o meu primeiro romance e conta com uma narrativa mostrada sob três pontos de vista: Elise, Alejandro e Edmund. Cada personagem narra um pedaço da história, sendo a Elise a principal dentre os três.
Nessa história que tem um pouco de tudo: ação, romance, intriga, sexo com tempero, você conhecerá vários personagens instigantes. Dentro do universo que criei baseado no Exodus, explicando como a raça imortal surge na Terra, teremos o pirata imortal; o príncipe imortal, o amante imortal (isso ficou bom, né? - risos).
Nunca escondi que comecei essa obra despropositadamente como uma fanfic – narrativa sem fins lucrativos com a utilização de personagens de terceiros que você curte – e outro texto – incentivado por uma amiga na época em que eu pertencia ao Fandom (Domínio de Fãs) de Harry Potter – que, unido ao primeiro, cresceu imensamente em importância.
Conceber essa obra me trouxe muitas experiências boas e espero que meu leitor se deleiteie como ela.


Sinopse
Eu sou Elise, a primeira filha da casa dos Fejéryis. Sim, sou uma princesa, e como toda princesa, tenho meu príncipe. Então, você deve estar dizendo a si mesmo: típico. Eu rio e concordo com você, realmente essa podia ser apenas mais uma história banal de amor...
Todavia, esse amor está sobre a terra há mais de três mil anos, e posso afirmar que ainda que tenha sobrevivido ao tempo e a guerra, ele ruiu...
Aos poucos...
Ele ruiu...
Ruiu pela conveniência de uma sociedade hipócrita que o julga proibido... Profano.
Ruiu pela cobiça daqueles que sempre querem estar no poder, e não tem escrúpulos para obtê-lo a qualquer preço. Não se importando nem mesmo com os que tenham que matar para isso...
Não há limites para os imortais...
Mas nós temos regras, que se devem ser cumpridas para que vocês, humanos, não saibam de nossa existência.
Para que não nos temam...
Porque eu preciso do seu sangue, mesmo que você nunca venha a ver meu rosto...
Eu preciso que você confie em mim, para que o acordo firmado entre nossas espécies sobreviva.
E, que esse mal que está em meu sangue, não corrompa sua terra como o fez a minha.
Eu sou uma princesa e sou imortal
E, ainda que você não me conheça, devia saber como a minha história se envolveu na sua...




Volkrodlak


Volkodlák foi dividido em três volumes, amados! A Maldição do Tempo, A Maldição do Destino e A Maldição do Amor.

Sob a  luz da lua, a bruxa amaldiçoou o tempo de um homem. Entre as chamas da fogueira seu tempo e o de um padre foram amaldiçoados... Tudo em nome do amor.  E, movidos por esse amor, padre e homem vagaram por séculos em busca do tempo em que novamente estariam em frente à bruxa, encarnada agora no corpo de uma linda mestiça. O tempo em que os três estarão juntos novamente para por em andamento as rodas do destino.   
  
Muita coisa para contar em pouco tempo, então, deixo voces com a sinopse do primeiro volume:
A Maldição do Tempo - Nesse primeiro volume voltamos à Irlanda do século XIV, onde a caça ás bruxas segue seu rumo impiedosamente, fazendo surgir em meio aos boatos a primeira vítima da Inquisição: Petronella de Meath, supostamente bruxa e ajudante  de Lady Alice Le Kyteler.
O romance começa exatamente nesse ponto da história das duas, na tentativa de salvar seu amante, Lady Alice recorre aos rituais pagãos, invocando um antigo espírito: Volkodlák. O que era para ser a cura, torna-se uma maldição para todos envolvidos no episódio. O jovem amante, Joseph, é condenado a vagar pela terra numa meia forma humana e loba; Petronella é queimada viva na fogueira e Lady Alice é dada com desaparecida. 

Em meio ao caos que sua vida se transforma, já que não há como reverter o feitiço sem a bruxa, Joseph abandona completamente sua antiga existência, constantemente mudando sua moradia, mas mesmo assim constituindo laços, seguidores e, como não poderia deixar de ser, muitos inimigos. 

Um deles em especial que se torna a sombra de Joseph; um com o qual seu passado está ligado, Ledrede. O Bispo que naquela noite fatídica também perseguia Alice. Mistérios começam a ser desvendados ao longo da trama que arrasta Joseph e Aiden para várias aventuras, até que uma delas os leva para o Brasil, em meio aos cafezais dos idos de 1860, e é lá que ele encontrará a bela e misteriosa Yamê. 

Numa mistura de magia, desafios, questionamentos, suspense e humor, eu apresento a vocês meu terceiro romance. Como não sou de deixar de amarrar romances de época a dados históricos, nesse vocês encontrarão a Santa Inquisição, o Grande Incêndio de Londres, a Guerra de Secessão, Brasil Colonial... E uma dose de religião celta. 

Espero que gostem demais desse meu bebê também, porque foi uma delícia escrevê-lo!

Link do livro no Facebook --> AQUI


Youkai


Heilel é um jovem anjo da guarda que tem sua história mudada duplamente num único momento. No dia em que ascende ao cargo de confiança mais alto do Renkai - o plano do julgamento - acaba tendo uma difícil decisão nas mãos: manter sua lealdade a Deus ou salvar sua protegida - uma alma suicida por quem ele cria um vínculo afetivo. Ciente de suas responsabilidades, e não vendo outra saída, ele abdica da honraria e entrega sua alma em troca da dela ao Diabo, que vem exigir pessoalmente seus despojos sobre o julgo.
Todavia, a presença de Lúcifer no Renkai não é uma mera coincidência e Heilel - agora nominado Akuma e vivendo no plano terrestre como um Youkai - irá descobrir que há muito mais por trás de uma simples barganha, e que tanto Deus como o Diabo estão envolvidos numa aposta cujo o desfecho pode exigir um preço ainda maior de si mesmo.


A Autora



Roxane Norris, casada, dois filhos e muitos sonhos.
Arquiteta, Agente Literária, mãe, amiga, louca, cunhada, irmã, esposa, e em todos os outros momentos, autora.
Leitora e devoradora de livros e mangás, começou a escrever com 9 anos pequenos poemas, porém, com o ingresso na faculdade perdeu o contato com a escrita, dedicando-se somente à leitura. Já perdeu a conta dos que leu.
Apaixonada por Jane Austen, principalmente Orgulho e Preconceito, e romances de época como: O Conde de Monte Cristo de Alexandre Dumas. Fã de carteirinha de Agatha Christie e Conan Doyle… E de José de Alencar.

Blog da autora --> AQUI


3 comentários:

Ana Paula disse...

A Geeh leu Volko e amou, agora falta eu neh??? Nossa as capas são lindas demais, quero todos!!! O.O

Bjo^^

Beatriz Aguiar disse...

Adorei a sinopse do primeiro. Nunca tinha ouvido falar, mas parece bem interessante.

Dieny Burns disse...

Além das capas terem um ar místico/mágico os livros parecem adquirir um ótimo conteúdo. Estou com uma lista imensa para minhas férias de inverno,e ainda mais de livros desejados. Amei todos.

http://dienyladyy.blogspot.com.br/